Luxemburgo... haja...

por Marcial Salaverry

Acho que já se escreveu tudo o que se podia sobre essa pessoa...O que acho o mais interessante de tudo, é que o máximo que ele fala em sua defesa, é que seus acusadores não são pessoas idôneas (será que o Ministério Público está incluído ?), que a Renata é isso e aquilo, que seu pai é aquilo e isso...e mesmo com tais qualificações, trabalhavam para ele ? É de estranhar que Luxa não conheça o velho provérbio: "Diga-me com quem andas, que eu te direi quem és..." Se você se cerca de gente inidônea, significa o que??? Ainda mais para lidar com leilões, compras, vendas e etc.... Há algo de podre no Reino de Luxemburgo (não tem nada a ver esse simpático reinado com o dito cujo...). Repetindo, espera-se que não nos convidem para comer tal pizza...não podemos permitir que tudo acabe como de costume...tudo deve ser resolvido até o fim.  Se nosso amigo conseguir provar ser a virgem inocente que apregoa, serei o primeiro a dar a mão à palmatória.  Não estou de acordo, e ninguém deve  estar, de que ele nada tem a provar, mas sim, seus acusadores.  Para sair limpo disso tudo, ele terá de provar nada ter a ver com essa podridão toda.  Quem viver, verá...(espero que não veja só o tamanho da pizza).

line1.gif (910 bytes)