Paraolimpíadas

por Marcial Salaverry

Terminou aquele que, sem dúvida, é o mais vibrante e emocionante espetáculo da Terra: As Paraolimpíadas. Infelizmente, nossas autoridades e nossa imprensa não dão o devido ênfase a essa maravilhosa demonstração do que é a força de vontade, a determinação, enfim, de tudo o que de bom ainda abriga a natureza humana. Quem não assistiu ao pouco que nossas televisões mostraram, deve estar arrependido de não tê-lo feito. Que maravilha foi ver, por exemplo o nadador chinês que, sem braços, conseguiu a medalha de prata em uma prova de natação... Arrepiante. É aí, vendo a determinação estampada na face desses ATLETAS, é que somos obrigados a acreditar que uma força maior dá essa possibilidade de superação de limites. Chega a nos deixar envergonhados quando, por vezes, paramos em pequenas limitações... Que dizer ante esse autêntico show de amor pela vida? Só nos resta ficar de pé, e aplaudir longamente esses atletas, ditos excepcionais, mas que são verdadeiramente EXCEPCIONAIS, no sentido que também se dá a essa palavra, significando MAGNÍFICOS, GRANDIOSOS, GENIAIS. Depois voltarei ao assunto para falar especificamente sobre a participação brasileira nessa epopéia, que foi verdadeiramente sensacional. line1.gif (910 bytes)