Curiosidades do Esporte

Juizes, eternos fdps

Juiz de futebol....profissão detestada pelas mães.....não sei porque, pois elas sempre são lembradas pela torcida.....vamos ver alguns casos mais ou menos famosos:

line1.gif (910 bytes)

Nos idos de 1950 os dirigentes desconfiavam dos juizes nacionais, o que era incompreensível, pois o "melhor" de todos era João Etzel, famoso pelos "arranjos" de resultados. Mas vamos ao que interessa. Para a decisão do Campeonato Paulista de 1950, foi chamado um juiz inglês, Mr. Southampton, se não me engano. Para o São Paulo bastava o empate. O Palmeiras precisava vencer e através de Aquiles, fez 1x0 ainda no primeiro tempo. Aos 40 minutos do segundo tempo, Teixerinha faz um gol dos mais legítimos e lindos do ano, porém, alegando não se sabe o que, Mr. Somebody anulou o gol, tirando o tri-campeonato do São Paulo. Considerando que o juiz chegou aqui pràticamente no dia do jogo,não se pode f alar nem em suborno, nem em má fé. O que houve foi ruindade mesmo. Para o que aconteceu, não seria preciso gastar a fortuna paga ao Mr.Something, era só deixar por conta de João Etzel, que êle resolvia.....para quem pagasse melhor...

line1.gif (910 bytes)

Falando em juízes importados... E o argentino Javier Castrilli na semi-final do Campeonato Paulista de 1998, entre Corinthians e Portuguesa ? Quanta lambança...

line1.gif (910 bytes)

E na final do Campeonato Paulista de 1971, que o Armando Marques "viu" mão na cabeçada de Leivinha ? Para consolo dos palmeirenses, esse seria o gol de empate e mesmo com o empate, o São Paulo seria campeão... Mas que foi uma grande lambança, foi.

line1.gif (910 bytes)

E o que Armando Marques fez na final do Campeonato Paulista de 1973, errando na contagem dos penaltis, o que fez o Santos dividir o título com a Portuguesa? Bota lambança  nisso... Foi um absurdo o que aconteceu... Errar na contagem de penaltis ? PODE ????

line1.gif (910 bytes)

Já tivemos um juiz artilheiro. Foi José de Assis Aragão num jogo entre Santos e Palmeiras, em 1983. Finzinho de jogo. Empate. O que era bom para o Santos que se defendia. Atacante do Palmeiras (quem foi ??) chuta a bola, que vai saindo pela linha de fundo, onde estava estrategicamente colocado nosso juiz. A bola bate em sua perna (Aragão jura que não se mexeu, porém os defensores santistas disseram que ele mexeu a perninha) e entra dentro do gol, dando a vitória para o Palmeiras. Casual ou não, foi um lindo gol... menos para os santistas...

line1.gif (910 bytes)

Na Taça de Prata de 1968, FLA/FLU na decisão. Wilton faz um lindo gol com a mão, dando o titulo ao FLU. Todo o mundo viu a mãozinha do Wilton, menos nosso querido Armando Marques... Sempre êle...

line1.gif (910 bytes)

Semifinal do Campeonato Mundial de 1986. O célebre gol de mão de Maradona contra a Inglaterra. O mundo inteiro viu, menos o juiz... Como se vê, lambanças "juizísticas" não é privilégio nosso...

line1.gif (910 bytes)

Semifinal da Copa América, Brasil e Argentina. Túlio "mata" a bola com o braço, e faz um lindo gol. Todos viram o bracinho do Túlio funcionando, menos o juiz, que saiu dizendo que Túlio havia "matado" com o peito. Agora, ganhar da Argentina com gol feito com a mão, é muito mais gostoso do que com um gol de "placa"... Não acham??

line1.gif (910 bytes)

E aquele célebre gol que não entrou na final da Copa de 1966, que deu o título para a Inglaterra, contra a Alemanha? Absurdo dos absurdos. Aquele gol só confirmou que o Mundial de 1966 já estava "arranjado" para os ingleses, donos da casa...

line1.gif (910 bytes)

Lambanças de juizes sempre houveram, e sempre vão acontecer. São seres humanos, que usam a velha máxima : HERRAR É UMANO... porém, não precisam ser tão humanos. Futuramente, teremos mais lembranças de lambanças. Colaborem.

line1.gif (910 bytes)

Envie-nos suas histórias, casos e curiosidades, bem como críticas e sugestões (historia@detrivela.com.br)